Início Todos os Artigos Atualidade ULS Guarda inaugurou serviço de hospitalização domiciliária

ULS Guarda inaugurou serviço de hospitalização domiciliária

56

A Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda inaugurou esta semana um serviço de hospitalização domiciliária que vai evitar internamentos e abrangerá diariamente cinco doentes residentes num raio de oito quilómetros em linha reta a partir da cidade.

A médica Paula Neves, coordenadora da nova Unidade de Hospitalização Domiciliária da ULS da Guarda, explica que os doentes que vão ser selecionados pelo serviço terão de ter “estabilidade suficiente” para serem mantidos em ambulatório.

Os critérios de seleção incluem também consentimento dos próprios e das famílias, e a existência de condições sociais mínimas nas residências.

Segundo a médica “as mais-valias são muitas, desde logo o facto de o doente estar em ambiente familiar, não correndo o risco, por exemplo, de apanhar infeções hospitalares. O caso de um doente que tenha uma infeção urinária, por exemplo, e que precise de antibiótico endovenoso, pode fazer o tratamento em casa, onde se sente mais confortável”, explicou Paula Neves.

A equipa permanente da unidade é composta por quatro médicos, cinco enfermeiros e três assistentes operacionais, que fazem mais que uma visita diária ao utente.